Você está “esperando em Deus” ou apenas dando desculpas?

2

Quando se trata de relacionamentos, muitos cristãos dizem: “Espera no Senhor”. Mas o que isto quer dizer?

Uma vez conheci um jovem que estava esperando em Deus. Sua vida estava sendo dirigida por um caminho perigoso e ele explicou que estava “esperando em Deus” para salvá-lo. Mas a real é que ele não tinha feito nada para conquistar uma vida melhor.

Ele não tinha procurado qualquer ajuda, nem tinha pedido ajuda para ninguém. Ele não tinha reconhecido seus defeitos. Ele não tinha assumido a responsabilidade por suas péssimas escolhas. Ele não tinha mudado seus comportamentos.

Ele estava apenas esperando.

A fé é uma parte crucial na vida cristã. É importante acreditar e viver aquilo que você crê de forma verdadeira. Confiar em Deus completamente, totalmente e imprudentemente (Hebreus 11.1) é levar a palavra Dele e construir sua vida alicerçado nela.

Mas eu acredito que o maior problema ocorre quando as pessoas usam a ideia de “esperar em Deus” para cobrir sua passividade, para mascarar inseguranças, para se esconder atrás de seus maiores medos ou apenas para dar desculpas.

Estou aplicando esse assunto no tema de relacionamentos, embora eu acredite que isso se aplica a qualquer aspecto da nossa vida em que reivindicamos estar “esperando em Deus” ou “crendo com fé”, sem assumir a responsabilidade e fazer a nossa parte.

Quando olho nas histórias da Palavra de Deus, percebo que até mesmo os grandes homens e mulheres de fé receberam um papel na história que Deus estava orquestrando em suas vidas. Porque a fé sempre nos faz caminhar em direção a ação.

Abraão teve que sacrificar. Jacó teve que caminhar. Moisés teve que obedecer. Josué teve que marchar. Jonas teve de se arrepender. Neemias teve que reconstruir. Pedro teve que seguir. Paulo teve que proclamar.

A verdadeira fé não se trata apenas de esperar – é sobre viver a vida enquanto esperamos.

Em toda Escritura, e com razão, nos é dito para esperar em Deus. O problema é quando as pessoas esperam que Deus viva para elas ao invés de trabalhar com elas. Sua vida é marcada pela falta de ação, motivação e responsabilidade, tudo em nome da fé.

Quantas vezes permitiremos que as nossas falsas ideias de fé nos mantenham presos ou impedidos de se mover para o lugar que Deus quer nos levar? Por quantas vezes permitiremos que a nossa falsa fé seja uma fonte de desculpas, nos impedindo de viver verdadeiramente?

“Deus vai me dar um sinal.”
“Deus vai fechar as portas se não era para ser.”
“Deus vai trazer ele / ela em minha vida.”
“Deus vai trabalhar esta relação para mim.”
“Deus vai tirar meus sentimentos.”
“Deus vai me falar se Ele quer que eu saia desse relacionamento tóxico.”
“Deus acabará me tirando desse vício.”

É isso o que significa esperar no Senhor? Não acredito nisso. Não concordo com a ideia que diz que “esperar no Senhor” significa não fazer nada, ficar sentado e olhar para o céu enquanto a vida passa diante de nós.

Porque, mais do que qualquer coisa, eu acredito que esperar em Deus tem tudo a ver com a condição do nosso coração.

Será que estamos em paz ou vivemos com medo?

Estamos cheios de esperança ou a nossa esperança no futuro foi perdida?

Esperamos com expectativa ou com dúvida?

Será que acreditamos que Deus se revelará em nossa situação ou que paramos de acreditar?

Estamos vivendo abundantemente ou vivendo pouco?

Quero ser claro: Deus pede que confiemos Nele com relação as coisas que não podemos controlar, ficando tranquilos e sabendo que Ele é Deus diante das lutas e circunstâncias que estão fora do nosso alcance.

Mas Ele também nos pede para agir nas coisas que temos domínio. Ele nos pede para conhecê-Lo, amá-Lo e honrá-Lo, e, em seguida, para viver com confiança em Seu retorno.

Somos chamados para agir, tomar decisões, viver nossas vidas e fazer o que é preciso para estar onde Ele quer que estejamos.

Nossa conexão com Deus é uma via de mão dupla, quer você goste ou não: nós temos um papel nessa relação. Nós temos uma escolha. Temos uma vontade. E com isso, podemos dizer sim ou não. Podemos parar ou podemos prosseguir. Podemos permanecer o mesmo ou podemos crescer. Viver no antigo ou acordar para o novo.

Não permita que seus medos, inseguranças e imperfeições paralisem você em nome de uma falsa “fé”.

A verdadeira fé vive uma vida de atitude. A verdadeira fé é viva e ativa. A verdadeira fé assume a responsabilidade e caminha para frente.

A fé verdadeira pergunta e busca, confiando que quando o fazemos, a porta será aberta em nome de Jesus.

Traduzido e Adaptado por Gustavo Neves. Link original aqui.

No more articles
Fé inteligente todo mês na sua caixa de entrada?