Guia ético para as compras no Natal

0

Se você for como a maioria dos brasileiros, com certeza fará aquelas habituais compras de Natal. Mas, enquanto você estiver comprando, pare um pouco e pense sobre aqueles presentes que você estava pensando em comprar. Onde você acha que eles foram feitos? Quem você acha que fez? Será que eles trabalham em condições humanas? Você acha que práticas ambientais foram adotadas no processo ou é provável que substâncias químicas tenham sido despejadas em bacias hidrográficas locais?

Eu sei. Não é legal pensar nessas coisas, né? Nós queremos apenas aproveitar o tempo com nossas famílias, mas precisamos fazer mais. Fomos chamados para fazer mais.

É 2015. É difícil de acreditar que nesta época, com todos os avanços tecnológicos e humanos, as pessoas e a criação estão sendo calmamente exploradas das piores formas possíveis. Como cristãos, deveríamos tomar uma posição e usar o nosso dinheiro para ajudar organizações que buscam fazer coisas boas.

Aqui estão algumas opções que você pode levar em conta enquanto procura pelo presente de Natal que deseja dar:

1º OPÇÃO: FAÇA COMPRAS ‘VINTAGE’

Existem sites de leilão onde são vendidos todos os tipos de coisas imagináveis. Por exemplo, o site Shopgoodwill.com possui algumas opções incríveis: bijuterias dos anos 50, rádios de madeira, antigas máquinas de escrever e decanters.

Seja criativo no seu presente. Procure coisas únicas e originais. E, como no caso da Goodwill, você poderá apoiar os programas que a loja tem a oferecer para seus clientes.

Você pode arrumar um tempo para conhecer lojas de antiguidades. Tire um dia longe dos centros agitados e comece a procurar presentes através da história. Com essas lojas clássicas, você poderá manter esses presentes longe dos aterros sanitários e, com isso, não contribuir para a natureza consumista de “novos produtos”.

2º OPÇÃO: REALIZE COMPRAS EM SEU BAIRRO

Procure opções em seu bairro e encontre itens que são fabricados lá. Apoie empresas de sua comunidade! Tem muita gente trabalhadora que está ralando na vida e fazendo algo que eles amam, a fim de oferecer produtos de qualidade.

Procure bazares e feiras de artesanato, eles estão por toda a parte nessa época de Natal. Pergunte aos seus amigos e familiares sobre lugares que podem nos ajudar nessa tarefa.

3º OPÇÃO: USE GUIAS ÉTICOS DE COMPRAS

Lógico que você ainda pode fazer compras online! Seja um consumidor ético: liste o que você deseja comprar e organize as suas necessidades/prioridades. Muitas marcas (por exemplo, L’Oreal e Renner) disponibilizam guias éticos de compras e condutas para os seus consumidores e apresentam as garantias das melhores condições trabalhistas e sustentáveis na produção de seus produtos.

Existem blogs como o Micah Challenge USA  que examinam e verificam as possíveis necessidades das pessoas e as ajudam nos processos de compra de uma maneira ética, ou como o Mode.Fica, que trás bastante conteúdo sobre compras sustentáveis. Não perca seu tempo, energia e dinheiro com qualquer empresa: pesquise sobre organizações que não exploram seus trabalhadores.

4º OPÇÃO: FAÇA DOAÇÕES

Adote famílias de refugiados ou famílias em abrigos. Compre brinquedos e roupas para as crianças necessitadas de seu bairro. Reúna a sua família e recolha dinheiro com o intuito de comprar água limpa para as pessoas que estão em Mariana-MG. Existem muitas opções para ajudar o nosso próximo!

Talvez devêssemos dar um passo para trás no consumismo presente no Natal para ajudar aqueles que mais precisam. E, quem sabe, podemos misturar as coisas: podemos dar alguns presentes para as pessoas que amamos e outros presentes para os que estão necessitados.

Comprar presentes, eticamente falando, não precisa ser uma dor de cabeça. Pode ser excepcionalmente gratificante! Você, além de estar comprando presentes para aqueles que você mais ama, estará apoiando organizações e pessoas que merecem nossa ajuda. E nesse caso todos ganham.

Lembre-se que, neste Natal, cada real gasto é um voto para o tipo de mundo que você deseja.

 

Traduzido e adaptado por Gustavo Neves. Original aqui.

No more articles
Fé inteligente todo mês na sua caixa de entrada?