Como fazer a diferença na sua Igreja

0

Por definição, se você é um cristão, você e sua comunidade são a igreja. E se você está envolvido com uma comunidade cristã, tem a oportunidade e responsabilidade de ajudar a alcançar e servir o mundo.

Claro que muitas vezes é muito mais fácil falar do que fazer. Isso provavelmente incluirá seus pastores e lideres a bordo. Mas os pastores não são os únicos responsáveis por transformar as igrejas, então aqui estão algumas dicas para fazer a diferença em sua igreja:

Seja Ousado

Você é qualificado para ter boas ideias. Os líderes de nossas igrejas não conseguem pensar em tudo sozinhos, e eu te garanto que eles realmente não o fazem. Você tem todo o direito de ficar animado em fazer algo bom para sua comunidade e ajudar as pessoas a entender o que Deus fez por elas.

Como pastor, posso dizer que a maioria das melhores ideias na verdade não vem de mim. Eu participo de experiências que nunca entraram em minha mente até que uma ou duas pessoas se reúnem comigo para expor seus desejos de satisfazer as necessidades físicas e espirituais de outras pessoas com mochilas, roupas, oração, carros usados, comidas e muito mais.

Amanda ouviu que minha igreja “adotava” e ajudava escolas ao redor.  Ela começou a ajudar, como voluntária, em uma escola de ensino primário e depois de um tempo, sentiu que podíamos fazer mais. Ela me contou sobre uma igreja que tinha aprendido a reduzir o déficit de atenção entre as crianças pobres. Ela sugeriu que pedíssemos para essa igreja nos treinar e supervisionar o nosso programa de alfabetização. Foi uma jogada muito inteligente e que causou um profundo impacto tanto em mim quanto nas crianças das escolas locais. Isso só aconteceu porque Amanda se aproximou de mim com apenas duas coisas na mão: coragem e uma ideia brilhante.

Reconheça as coisas boas que sua igreja já tem feito

Muitas vezes nos tornamos negativos com relação a monotonia da igreja. Também falo por mim!

Há uma abundância de discursos negativos com relação a igrejas de todas as religiões. Os líderes da igreja estão dolorosamente conscientes disso tudo. Mas, se você quer apresentar uma ideia a seus líderes ou congregação, não se apegue a comentários negativos, a discursos cheios de ego ou atitudes agressivas.

Outras pessoas de sua igreja estão fazendo um ótimo trabalho, então mostre que você respeita o que elas estão fazendo.

Existem lacunas no serviço de qualquer igreja para a comunidade. Mas, antes de sugerir mudanças e executar tarefas, certifique-se de que você tenha estudado a situação, ou pelo menos que está disposto a aprender sobre ele.

Mostre como suas ideias podem “conectar” com outros esforços

Uma comunidade é preenchida por pessoas que eu chamo de “rangers solitários”. Eles são independentes, muitas vezes, porque eles não sabem como pensar no contexto do que outras pessoas já estão fazendo.

Vamos dizer que você está louco para começar uma despensa de alimentos para universitários pobres. Verifique com igrejas locais e outras organizações (incluindo departamentos do campus e ministérios) para ver se a sua boa ideia seria uma duplicação de esforços. Esse processo de coleta de informações pode levar sua ideia para um nível ainda melhores e se transformar em algo que você ainda nem tinha pensado.

Esteja disposto a encontrar parceiros

Uma vez que você obteve essa informação, você precisa abrir a sua mente para o poder da parceria. Digamos que sua pesquisa descobriu um buraco em um programa que oferece produtos de higiene para alunos de países subdesenvolvidos que sofrem financeiramente. Inicialmente, você pode ter que ajudar todos os estudantes locais que necessitam desse tipo de assistência, mas, uma inspeção cuidadosa.

Pense pequeno em primeiro lugar. O que você está realmente disposto a dar? Você tem energia, tempo e dinheiro? Ou apenas energia e tempo? Isso é bom. Mais uma razão para encontrar um parceiro.

Seus pastores ou até outras pessoas de sua igreja provavelmente conhecem pessoas competentes que querem investir tempo e dinheiro para boas causas. Ele conhecem pessoas do governo, escolas, igrejas e outras organizações que podem ser seus parceiros.

Mas parcerias de sucesso significa que você não vai estar executando o seu próprio show ou insistindo que as outras pessoas façam tudo do seu jeito. Boas parcerias são maiores do que você. Elas podem te levar a lugares que você nunca poderia ir sozinho. Eles podem fazer mais bem do que você imaginou.

Controle Seu Entusiasmo, Mas Seja Persistente

Os pastores sempre têm a cabeça cheia de preocupações. Congregações tendem a pensar que nós somos responsáveis por visitar cada pessoa doente, por realizar cada funeral e casamento, resolver todos os problemas e ouvir e aprovar todas as boas ideias. Mas nós precisamos de sua ajuda.

Traga sua ideia aos seus líderes com entusiasmo controlado, muita emoção pode sobrecarregar. Dê tempo para que sua ideia cresça em sua própria mente e na mente de seus líderes. Seja persistente, continue recolhendo informações e deixe o conceito de “esforço colaborativo” crescer em você.

Não Espere Que Sua Igreja Financie ou Comercialize a Sua Ideia Para Você

Pastores e placas de igreja recebem uma quantidade interminável de contas, faturas e pedidos. Não espere que o escritório da igreja esteja disponível para imprimir folhetos. Estes benefícios, claro, vão ocorrer eventualmente, mas você precisa assumir a responsabilidade por sua ideia e principalmente, precisa ser grato pelas parcerias que seus líderes tanto em orientação como em direção. Essa parceria abençoa de forma eficaz a sua vida e a dos que estão próximos de sua comunidade. Você vai muito mais longe do que pensou que iria sozinho.

 

Traduzido e Adaptado por Gustavo Neves. Original aqui.

No more articles
Fé inteligente todo mês na sua caixa de entrada?