14 coisas que os pastores midiáticos ensinam que não devemos aprender

3

Liga a TV, coloca o copo com água ao lado dela (porque agora com TVs de led não da mais pra por em cima), aumenta o volume, senta no sofá. Pronto, o show vai começar.  Do lado de dentro da tela, um homem de terno e gravata sobe no púlpito ovacionado por palmas e gritos de Aleluias e Glórias. Pobres, enfermos, gananciosos, inocentes, culpados, ocupam a parte baixa do gigante espaço chamado de templo. Na parte lateral superior, fica a equipe de multimídia, essa não pode faltar, tudo deve ser televisionado e com muitos letterings com contas de bancos para o depósito do dízimo, produtos para serem adquiridos, enquanto a música toca, pessoas gritam, chorando, giram…e a verdade bíblica escorrendo ralo abaixo.

Esses shows da fé chegaram ao Brasil através do movimento conhecido como Teologia da Prosperidade, com muitos artifícios de linguagem e pirotecnia barata, arrastam multidões desamparadas pelo Governo e carentes do puro amor.  Ao longo do tempo, ensinam diversos princípios e atitudes que não se encontra em nenhuma linha da Bíblia. O pior, cobram bem caro por isso.

Acredito eu que, pior do que não aprender, é ser ensinado errado. E bem, depois de analisar alguns desses programas e discursos midiáticos (foi bem difícil fazer esse exercício), entre todas as bizarrices, selecionamos 14 ensinamentos para você esquecer ou nunca deixar que entrem na sua mente:

1. Que para um milagre acontecer você precisa dar oferta (pagar)

Não, não precisa. Segundo a Bíblia as pessoas que receberam milagres pediram e creram, e segundo a vontade de Deus o milagre aconteceu.  Ninguém realizou nenhum depósito.

2. Que colocar um copo de água na TV e tomar você estará abençoado

No máximo hidratado. Essa simbologia é distorcida das práticas realizadas pelos Judeus no antigo testamento, ou seja, outro contexto, outro sentido, outra época, não tem absolutamente nada a ver conosco nos dias de hoje.

3. Levar uma peça de roupa ou foto de alguém enfermo para o pastor orar a pessoa será curada

Se a pessoa for curada é pela Graça de Deus, não pela “transferência de poder”, até porque o Espírito age em pessoas não em coisas.

4. Que Deus odeia os homossexuais

Segundo a Bíblia não, e nem a própria Bíblia cita como sendo uma doença que precisa de cura gay. Isso é desculpa pra mascarar a homofobia. Cristo ama a todos, e trabalha na vida de cada um a fim de que pecados sejam abandonados e que Ele nos glorifique na eternidade, a medida que acreditamos que somente ele é Senhor e Salvador.

5. Que benção se mede em riqueza financeira

Cristo se fez pobre, acho que isso já resolve essa questão, né?

6. Que negro é da descendência de Caim (a marca do pecado e tals)

Essa ideia surgiu por uma má interpretação Bíblica, da passagem de Gênessis 4:15- 16 “O SENHOR, porém, disse-lhe: Portanto qualquer que matar a Caim, sete vezes será castigado. E pôs o SENHOR um sinal em Caim, para que o não ferisse qualquer que o achasse”  Esse sinal não é detalhado na Bíblia o que abriu margem para inúmeras opiniões, entre elas de que o sinal seria o cor preta na pele originando o povo africano.

Essa ignorância absurda foi responsável por diversos ataques ao longo da história aos negros, o que reflete no preconceito que vemos hoje.

7. Que tudo é o demônio (se tá doente é o demônio, se tá sem emprego é demônio, se a mulher é chata é porque tá endemoniada e por aí vai..)

Que o demônio está sempre a pronta para atacar é bíblico, agora também é bíblico que tudo o que plantamos vamos colher, ou seja, ficar sentado não colhe emprego, falta de respeito não colhe um bom casamento e por ai vai..

8. Que o apóstolo é a voz de Deus para a Igreja

Biblicamente só pode ser apóstolo quem viu (visão ocular) a Cristo (1 Coríntios 9.1; Gálatas 1.11-24), ou seja, o que temos hoje é uma grande balela para que um líder tenha e exerça poder absoluto sobre os liderados, sem passar suas decisões por assembléias ou conselhos, é um movimento mais parecido com a ditadura do que com o apostolado bíblico.

9. Que Deus é mal se você for mal e Deus é bom se você for bom

Deus não muda conforme as nossas ações (Hebreus 13.8; Tiago 1.17), ele é justo e misericordioso e se relaciona com nós através do amor, do perdão, da graça e da justiça. Não é um ser imaturo e mimado.

 10. Que você não precisa de tratamento médico ou psicológico, você só precisa crer na oração que ele (o “apóstolo”) vai fazer.

Esse comportamento é responsável por um dos maiores gastos do SUS no Brasil, pessoas que largam tratamentos crendo que uma oração irá resolver. Eu não tenho dúvida alguma sobre o poder da oração, mas também creio em um Deus que age tanto no sobrenatural, quanto no natural, que não controla apenas sobre potestades, mas sobre todo o universo e que é a fonte de conhecimento, por isso capacita seres humanos para auxiliarem uns aos outros. E esse é o típico caso onde ignorância mata..e tem matado bastante.

11. Se você passar o sabonete nas suas enfermidades você será curado!

Só se for possuído pelo espírito de porco.  ;P

12. Que Deus existe para satisfazer suas vontades, basta pedir e ter fé

Opa claro, agora o céu é o McDonalds e Deus o atendente. Fritas acompanha o pedido? A Bíblia diz que se pedirmos segundo a vontade de Deus ele tem prazer em realizar. Muitas coisas que nós pedimos Deus não responde porque pedimos errado (Tiago 4.3). Nem o próprio Cristo pediu mansão, castelo, camelos modernos ou coisa do tipo, acredito que isso já é um bom indicativo do que não devemos pedir. Outra coisa que a Bíblia fala sobre pedidos é que não devemos ser ansiosos por coisa alguma, mas apresentar nossos pedidos a Ele e buscarmos as coisas do alto, se tirarmos a ansiedade dos nossos pedidos com certeza muita coisa muda e estaremos mais próximos de pedir segunda a sua vontade, que é boa, perfeita e agradável.

13. Que se você não fala em línguas você não tem o Espírito Santo

Não existe nenhuma passagem bíblica que diz isso e nenhum momento em que Cristo tem esse comportamento. O principal indicador de ter o Espírito Santo é crer em Jesus, pois sem o Espirito não é possível ter o conhecimento da verdade. Além disso, existem outros dons e frutos que o Espirito Santo pode desenvolver em nós, além do famoso “falar em línguas”. Todo cristão possui dons que são dados por Deus, mas nem todos receberam o mesmo dom.

14. Que falar gritando usando o verbo imperativo é sinal de autoridade no Espírito

Não é sinal de autoridade, é sinal de falta de educação mesmo. A bíblia diz e nos encoraja a ter uma Espírito manso, suave e humilde, o que não combina em nada com gritar e dar voz de comando. O próprio Cristo revela isso em sua vida: “sou manso e humilde de coração” (Mateus 11.29).

 

É por esses e outros ensinamentos na mesma linha, que hoje temos uma imagem tão manchada perante a sociedade e uma comunidade cristã tão frágil. Embora sinta o sangue ferver ao ver esses programas, peço que Deus tenha misericórdia desses influenciadores, pois se eles utilizassem o alcance que tem para ensinar da forma correta, usando uma linguagem de fácil entendimento, seria de grande contribuição para o Reino.

É triste ver que o ensino no Brasil é corrompido em todas as esferas. Meu desejo é que mais do que ler e compartilhar esse post a gente possa sempre buscar o conhecimento a fim de defender nossa fé e ensinar a Bíblia de forma verdadeira e com muito amor.

 

PS: Esse post é anti haters. Por favor só comente se for para contribuir com o assunto, não queremos transformar os comentários em um campo de batalha teológica.

No more articles
Fé inteligente todo mês na sua caixa de entrada?